Total de visualizações de página

quinta-feira, 12 de agosto de 2010

MEDIOCRIDADE

A mediocridade leva as pessoas ao ridículo.
Li em O Globo de hoje que “a ideia do ator Sylvester Stallone de ter uma estátua sua em Mangaratiba terá que passar pela aprovação dos moradores da cidade. Stallone doou R$ 65 mil ao município para que fosse erguida uma estátua dele como forma de marcar a sua passagem pela cidade.”
Li também que o ex-prefeito Aarão disse que caberá à população de Mangaratiba escolher se o desejo do astro será ou não realizado.
Em primeiro lugar, não acredito que o ator canastrão tenha tido tal ideia. Na terra dele não se faz isso com pessoas vivas. Acredito que ele tenha doado muito mais – muito mais mesmo - à Prefeitura para poder filmar na cidade e alguém mais esperto tenha tirado dele ainda mais R$ 65 mil com a sugestão de homenageá-lo com uma estátua.
E também não posso acreditar que o nosso ex-prefeito tenha se exposto ao ridículo de propor a distribuição de urnas pelos distritos para que os moradores votem, decidindo se querem ou não a estátua do debilitado e inadimplente Rambo que ficou devendo a quem lhe prestou serviços. Plebiscito não se faz assim, sem qualquer controle como uma pesquisa da DATAFALHA.
O que ele fez por Mangaratiba além de ofender seu povo e suas autoridades?
"Filmamos no Brasil porque lá você pode machucar as pessoas enquanto filma" – disse ele – “a produção teve a liberdade de filmar sequências de lutas mais agressivas, usar armas de fogo mais perigosas e destruir edifícios e veículos. Você pode explodir o país inteiro e eles ainda dizem para você: obrigado e tome aqui um macaco para você levar para casa”.
A Secretária (?) de Turismo Kelly Nascimento também considerou natural a escultura de quem nos ofendeu pois teve o desplante de afirmar que “a passagem do ator pela cidade foi muito importante, pois deu notoriedade à Mangaratiba.”
Talvez, ela desconheça quem foi Luiz Gonzaga. Esse sim deu notoriedade à Mangaratiba no Brasil e no mundo. E jamais lhe foi prestada qualquer homenagem em nossa cidade. Esse merece uma estátua. Ou pelo menos o nome de uma praça, de uma rua. Ou da creche que será inaugurada em Muriqui.
Minha jovem superintendente, por favor, ouça o Gonzagão cantando Mangaratiba.

Acabo de ler no portal IG o seguinte: "De acordo com Felipe Barreto, assessor chefe de comunicação da prefeitura, até o fim de agosto será organizada uma consulta popular em que os cidadãos de Mangaratiba poderão optar entre gastar a quantia na construção da estátua ou em outro investimento ligado ao turismo." Ele também vê racionalidade na confecção da estátua que, no mesmo portal IG, uma enquete mostra que 94% são contra.
Vou me vingar parodiando Gregório de Mattos:

Que sobra nesta cidade?...............Mediocridade?
Que falta por sua desonra?........... Honra?
Falta mais que se lhe ponha?........Vergonha?
Que ao mundo ela se exponha,
Por mais que a fama a exalta,
Esta cidade onde falta honra, vergonha
E excede em mediocridade.

4 comentários:

leila castro disse...

Sabe, é tão óbvio o ridículo disto tudo que já estou sem argumentação.
São tantos absurdos que fica difícil saber por onde começar a vomitar a indignação que causa.

Onde já se viu um ex-prefeito que está com a corda no pescoço, fazendo com que uma população inteira respire insegurança, venha com esta ideia ridícula de plebiscito de estátua de um ator decadente, se considerarmos que em algum momento, este ator tenha sido um ATOR ALGUM DIA.
O momento político que Mangaratiba vive é tão absurdo que requer um pouco mais de seriedade por parte dos desadministradores. Será que eles não têm nenhum Aspônio que dê um toque, mostrando que ele está se expondo a cada dia mais como incompetente?

Será que o status de superintendente da Kelly, não a fez almejar conhecimentos maiores na área que representa?

Ela não percebeu que o momento que vivemos é completamente diferente dos anos 60? Que Brigite Bardot, realmente era referência artística? Que Búzios soube aproveitar o momento? Inclusive conseguiu sua emancipação com esta propaganda.

Ela não sabe que BB citou Búzios em sua biografia como o lugar que passou os melhores dias de sua vida?

Um governante que demonstra todo desrespeito a seu povo, permitindo que sejamos humilhados, deve ser expurgado da vida pública.

Quanto à verba coletada, concordo que os números devem ser outros, mas como não temos nem a prova documental de que realmente esta foi a quantia, fica o dito pelo não dito.

Hoje, aceito até que você venha com Gregório de Mattos e seu poema único de expressão universal e atemporal.


OBS: Hoje eu te peguei.... olhe o seu "esperto"

Unabomber Pumpkin disse...

Oi Lacerda,

Leio o seu blog com frequência e não posso deixar de te parabenizar. Nunca comentei nada, mas hoje não resisti ao ler o seu post. É impressionante realmente como a cidade esquece aqueles que realmente levaram o seu nome para o resto do mundo. Além de Lua, eles também esqueceram de Humberto Teixeira, principal parceiro do velho sanfoneiro, que era apaixonado por Mangaratiba. Humberto construiu a primeira casa na praia de Guity, na década de 40. Por essa casa passaram grandes astros da música brasileira como convidados. Venho tentando divulgar alguma coisa sobre Humberto, na tentativa de não deixar apagar sua importância, junto com Luiz Gonzaga, claro, para o município. Caso tenha interesse, sugiro que acesse o link - http://www.vivaterra.org.br/vivaterra_humberto_teixeira.htm. No mesmo site, temos um link para Mário Peixoto, outro grande - http://www.vivaterra.org.br/vivaterra_mario_peixoto.htm (esse pelo menos tem uma Fundação em Mangaratiba e ainda é lembrado por alguns). Um grande abraço e sucesso.

Ricardo Teixeira

LACERDA disse...

Leila,

Desculpe, também tenho os meus momentos de mediocridade. É que eu estava pensando em escrever sobre a terra dele e os museus de cera de lá quando o idioma do cara tomou conta do meu pensamento.
Corrigirei já.

LACERDA disse...

Unabomber,

Humberto Teixeira mereceu uma de minhas primeiras postagens em 26 de março de 2008. Leia em
http://muriqui-lacerda.blogspot.com/2008/03/zaz-carime-ivete-ana-maria-e-leni.html
Gostava muito do seu blog e até o promovi no meu. Mas, depois, você parou de escrever e eu esqueci dele.
Por que parou? Parou por quê?