Total de visualizações de página

segunda-feira, 9 de novembro de 2009

TALIBANS NA UNIBAN

O corpo docente e a diretoria da Universidade Bandeirantes (UNIBAN) só podem ser compostas por talibans oriundos do Afganistão, onde a mulher é tratada como um ser inferior, tem que se vestir com a burka sem mostrar qualquer parte do corpo, não pode estudar nem sair sozinha na rua. E se cometer qualquer deslize pode até ser apedrejada como a adúltera que Jesus salvou da morte.
Geisy Arruda (foto) só faltou ser agredida, mas foi achincalhada e ofendida por canalhas chauvinistas somente porque ela ousou ir à aula trajando um vestido curto que mostrava suas belas pernas.
Os talibans da UNIBAN, demonstrando uma mentalidade ainda mais curta que o vestido da aluna, expulsaram-na da faculdade. Quanta estupidez de jovens e velhos retrógrados e mal amados.
Geisy, com sua beleza, conquistou páginas e corações no mundo inteiro. Toda a sociedade organizada, católicos e protestantes, unem-se no protesto contra essa atitude nefasta e obscurantista dos talibans da UNIBAN.
Se ela fosse feia, nada disso teria acontecido. Toda mulher bonita paga um tributo por sua beleza.
Umas pagam mais, outras menos. Geisy pagou muito caro, mas demonstrou o quanto é preconceituosa e insana a juventude universitária que se julga pertencer a uma classe superior.
Minha homenagem à beleza feminina e minha ojeriza aos terroristas talibans.

6 comentários:

Anônimo disse...

Mulher bonita? Caraca! A garota parece o chuk, o buneco assassino! Tá de sacanagem!

Marcia Maralhas... Superando... disse...

Não concordo, anônimo! E aprovo e bato palmas para a postagem do Lacerda... A atitude da Universidade foi extremamente conservadora, preconceituosa e acima de tudo egoísta... Só houve preocupação com a própria Instituição... E agora, que perceberam o tiro no pé que deram (aliás, como um amigo meu), estão tentando se retratar voltando atrás com o ato de expulsão!!!! Se eu fosse ela, não voltaria, aceitaria os convites feitos por outras Universidades( que na realidade, também só estão querendo pegar carona na mídia do episódio) e mandaria uma banana para aquelas duas bobocas que nem se fazer entender conseguiam, na reportagem da TV RECORD!Supere, menina!!

leila castro disse...

Márcia, a faculdade não estava preocupada com a própria instituição. Se realmente tivesse, as atitudes seriam outras.
Neste episódio, o que mais me causa horror, é a constatação de que minha convicção da falência do sistema educacional é fato.
Os talibãs do Lacerda, a beleza ou falta desta na jovem, a falta de simancol da garota, que tenho certeza não vai à praia de longo, nem em missas de biquíni, não seriam relevantes, se a faculdade fosse uma INSTITUIÇÃO DE ENSINO.
Posso até estar errada, mas aposto uma fichas de que em uma boa instituição não teríamos notícias deste tipo.
Regimentos internos divulgados e regras claras de conduta evitariam tudo isto.
Como sinto cheiro de esgoto sempre que ouço estas aberrações de conduta, vou logo procurando um político envolvido e como sempre, lá estão eles.
Vejam como a instituição prima por bons alunos e institui a prática da excelência em educação.
O dono, Heitor Pinto e Silva, criticou a reforma proposta pelo Ministério da Educação, em 2005: “Temos que criar brasileiros com liderança na escola e na educação.”

Ex-candidato a vice na chapa de Paulo Maluf para o governo paulista, em 2002, Heitor tinha:
- quatro inquéritos policiais,
- duas condenações e
- 59 processos de ex-funcionários - as únicas que ainda não teriam prescrito.

Onde eles estão..... encontraremos a sujeira.

~Leozinn disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anônimo disse...

Amigo moral da historia esta mais p/ unibanbi Abç..... Anselmo

Fábio disse...

Concordo plenamente, ela é linda! Embora tenha realmente um quê de noiva do chuck... A Playboy está se superando: na sequência, já fotografou mulher melancia, Valeska Popozuda, agora vem Fernanda Young e depois Geisy Arruda. Uhuuu...