Total de visualizações de página

terça-feira, 17 de dezembro de 2013

FLAMENGO É SALVO PELA PORTUGUESA

O Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) decidiu punir o Flamengo e a Portuguesa com a perda de quatro pontos pela escalação irregular de jogadores.
A decisão do STJD foi unânime.
Por incompetência, astúcia ou mediocridade, ambos os clubes descumpriram o determinado no artigo 214 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD). De acordo com o artigo, clube que escala jogador sem condições legais de atuar tem que ser punido com a perda dos pontos que conquistou na partida e mais três, pela infração.
A lei é para ser cumprida. Sim, um acordo entre as partes tem força de lei.
A denúncia do descumprimento da Portuguesa foi feita pela própria CBF e o Flamengo ficou na 16ª e última colocação no campeonato, com apenas um ponto acima da zona de rebaixamento.
Felizmente, o Flamengo foi salvo pela Portuguesa. Infelizmente, o Vasco não conseguiu escapar, mas com aqueles torcedores bem que merece o castigo.
Quem está vibrando com o julgamento do STJD é a pequena torcida do Botafogo. Já imaginaram um campeonato brasileiro sem as torcidas de Flamengo e Vasco pra encher o Maracanã em jogos com o Botafogo. A estrela solitária se apagaria e poderia ir à falência.

3 comentários:

RODRIGO PHANARDZIS ANCORA DA LUZ disse...

Depois dessa, os clubes hão de ficar mais atentos. Lá se vão dois clubes de origem lusa para a 2ª divisão ao invés do Flu fazer companhia ao Vasco...

LACERDA disse...

Ao invés do Flamengo, último colocado, que se livrou por um pontinho apenas.

andre quimico disse...

os Flamenguistas que estão zoando, não pararam para pensar (é pedir demais rs) que o Flamengo já tinha feito a merda no sábado, e o jogador da portuguesa que muito estranhamente entrou no final do jogo, quando o Flu já estava a frente do Flamengo (considerando que o Flamengo já tinha feito a merda no dia anterior e o clube já estava sabendo, assim como a máfia CBF/Globo) . Ou seja, quem foi o maior beneficiado com a perda de pontos da portuguesa?