Total de visualizações de página

terça-feira, 20 de agosto de 2013

O EX-QUERIDINHO DA MÍDIA

Em janeiro, eu disse (AQUIque o Joaquim Barbosa seria um queridinho da mídia por muito pouco tempo. As últimas publicações comprovam a minha previsão e é o próprio quem tem se incumbido de demonstrar seu verdadeiro caráter.
- Quem o ministro Joaquim Barbosa pensa que é? Que poderes acredita dispor só por estar sentado na cadeira de presidente do Supremo Tribunal Federal?

- Joaquim faz questão de exercê-la na fronteira do autoritarismo.

- NÃO É UMA questão de maus modos. Ou da educação que o berço lhe negou - longe disso.

- Para entender melhor Joaquim acrescente-se a cor - sua cor.

- Há negros que padecem do complexo de inferioridade. Outros assumem uma postura radicalmente oposta para reagir à discriminação.

- JOAQUIM É ASSIM se lhe parece. Sua promoção a ministro do STF em nada serviu para suavizar-lhe a soberba. Pelo contrário.

- Joaquim foi descoberto por um caça talentos de Lula incumbido de caçar um jurista talentoso e... negro.

- FALTA A JOAQUIM "grande conhecimento de assuntos de Direito", atesta a opinião quase unânime de juristas de primeira linha que preferem não se identificar.

- Mas ele é negro. Havia poucos negros que atendessem às exigências requeridas para vestir a toga de maior prestígio.

- Joaquim era o que tinha o melhor currículo. Não entrou no STF enganado. E não se incomodou por ter entrado como entrou.

- QUANDO LULA bateu o martelo em torno do nome dele, falou meio de brincadeira, meio a sério: " Não vá sair por aí dizendo que deve sua promoção aos seus vastos conhecimentos. Você deve à sua cor".

- Joaquim não se sentiu ofendido. Orgulha-se de sua cor. E sentia- se apto a cumprir a nova função.

- QUE NÃO PERCA a vida por excesso de elegância (Esse perigo ele não corre).

- Mas que também não ponha a perder tudo o que conseguiu até aqui.

Estas declarações foram colhidas no Blog do Noblat, em O Globo, escritas pelo próprio Ricardo Noblat. Ele baixou o sarrafo no negão (AQUI), criticou sua soberba, sua falta de compostura e atribuiu sua nomeação à cor da pele.
Nem eu fui capaz de ir tão fundo em minhas críticas ao truculento negão.

2 comentários:

Leila Castro disse...

Você acha o Joaquim Barbosa um homem arrogante?

Pense bem... talvez ele tenha somente nascido assim, crescido assim e seja mesmo assim...

Talvez a diferença seja somente a cor da pele...

Anônimo disse...

Reencarnação de JOAQUIM SILVÉRIO DOS REIS.rs